Chegou Primavera, a primeira cerveja do Eataly de São Paulo

Uma Witbier com alcaçuz, genciana e limão siciliano é a primeira a ser produzida no complexo gastronômico — colaboração da Academia Barbante de Cerveja com a Birra Baladin, marca italiana de respeito

Por Sergio Crusco

Botticelli-primavera_big
Primavera, Sandro Botticelli, c. 1482

Quem vive numa cidade como São Paulo não consegue entender muito bem o que é primavera. É mais estado de espírito do que estação. Se o tempo não enlouquecer, esperamos dias de temperatura amena, tirar a bermuda do armário, o vestidinho esvoaçante, calçar o sapato arejado. Faltam uns jardins multicor por aqui, para celebrarmos a delícia de ver o mundo florir.

Sem eles ou praças crivadas de tulipas (quem mandou não nascer em Amsterdã?), vamos imaginando a primavera com ajuda de Botticelli: um bosque onde ninfas dançam, Vênus ao centro comanda a festa, Mercúrio protege a cena tentando afastar nuvens cinzentas, Cupido lança flechas às cegas – se colar, colou (opa, tem uma ninfa de olho no Mercúrio, repare). Zéfiro tenta possuir a ninfa Clóris  o que de fato acontece: encanta-se e a transforma em Flora, deusa da primavera, que aparece no quadro transmutada, toda colorida, com o vestido em bojo recheado de flores.

Primavera_edit
Dourada, turva e refrescante, a Primavera vai bem com uma rodela de limão siciliano, como se faz na Itália

Em forma de cerveja, podemos imaginar a estação como uma Witbier, estilo belga suave, com notas cítricas e de especiarias, tão leve que dá para beber logo cedo, num dia em que você conseguir transferir todas as chaturas do cotidiano para os raios que as partam quem sabe o próximo sábado?

Quem quiser adiantar a chegada da estação (às vezes faz calor senegalês em pleno inverno) pode comprar sua witbier de devoção ou dar um pulo no terceiro andar do Eataly, no Brace Bar & Griglia, onde já está no bico da chopeira a primeira cerveja produzida ali mesmo, na pequena cervejaria do complexo da gulodice à italiana. Uma Witbier, naturalmente, com nome de Primavera.

Maltes Pilsen e de trigo e lúpulo entram em sua composição, junto com sementes de coentro, casca de limão siciliano, raiz de genciana e de alcaçuz em pó. “É tudo o que há de refrescante, leve, despreocupado”, diz a beer sommelier Tatiana Spogis. Ela explica que as especiarias foram adicionadas à receita após a maturação da cerveja (a técnica se chama dry spicing, semelhante ao dry hopping), o que acentua suas notas no aroma e no paladar.

Primavera
Vai de Primavera? Corre, se não acaba

A Primavera foi criada pela Academia Barbante de Cerveja em parceria com a Baladin, marca italiana de respeito, fundada por Teo Musso, que veio ao Brasil em junho para a brassagem, em que várias mãos colaboraram, inclusive a da mestre cervejeira Kátia Jorge.

Quem quiser provar a receita, por enquanto, precisa ir até o Eataly, onde outras surpresas já estão sendo maturadas: uma Tripel com cupuaçu e uma Bohemian Pilsner com “um ingrediente mágico” que ainda está sendo testado, diz Tatiana.  Algumas receitas serão repetidas, outras vão demorar algum tempo para reaparecer. Da Primavera, por exemplo, foram produzidos mil litros. Quem perder terá de esperar a próxima brassagem, o que ainda não tem data marcada.

A ideia, conta Marcelo Stein, diretor da Bier & Wein e idealizador da Barbante, que comanda a operação, é surpreender quem aparecer no Eataly. “Haverá sempre um estilo diferente, uma receita nova, mas em quantidade modesta, pois a capacidade de produção do brewpub do Eataly é limitada.” É para deixar com água na boca e saltitante, tipo ninfa de Botticelli.

Billie Holiday lamenta-se de que o coração permanece frio, embora o sol já tenha começado a brilhar. Mas há primavera em todos os tons  Donna Summer, por sua vez, parece ter encontrado seu Mercúrio.

*

Créditos das fotos: Botticelli (Reprodução/Uffizi.org), Cerveja Primavera (Sergio Crusco)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s